sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Os Exs.

Conceito: EX – O que já não é. O que era, o que foi e o que não foi. Passado. Fim.
..............................................................................

Não entendo a obsessão das mulheres com os Ex.


Acho que tem a ver com a sua tendência para a ruminância e com o facto de transportarem tudo numa mala de mão.


No fundo são incapazes de largar o passado, de uma forma ou de outra. Desde pequeninas que são ensinadas a guardar tudo, sejam as bonecas, as amigas ou as quezílias pendentes.



Ser um EX é uma coisa porreira. É talvez mesmo melhor que ser o Actual. É que um EX já sabe que foi de vela e sempre que recebe uma mensagem da EX percebe que ainda bate qualquer coisa lá dentro por ele, o que se pode traduzir a prazo numas sessões de enrolanço, sem ter de fazer nada.. Não tendo nada a perder, tudo o que aparecer é ganho. Já o Actual está sempre de pé atrás em relação aos EX, uma vez que tem muito a perder.


Por isso o que um gajo deve fazer é tentar rapidamente tornar-se num EX. Conhecer a mocinha, leva-la a um sitio fashion, começar a escalar o toque, dar-lhe 3 ou 4 bem dadas e depois dizer que "Afinal somos incompatíveis..." ou "Gosto muito de ti, mas tenho de me encontrar..." ou " Não te quero magoar..." Enfim, daquelas tretas que servem para mostrar que no fundo somos uma alma tortuosa e sofrida e que, para não a magoar, temos de nos afastar. E pronto: Passamos a ser um Ex. a que ela irá recorrer sempre que tiver sozinha.


Repete-se o processo 4 ou 5 vezes (ou uma dúzia!) e começa-se a ter problemas de agenda.


E agora, aquela que NUNCA mandou um sms a um EX, que atire o primeiro comentário...

(Se acho que isto faz sentido? Não, não faz, mas lá está: Os homens reagem ao que resulta!).

(via Mail)

Um comentário:

M. disse...

Vistos de longe somos sempre melhores...

E todos nós temos um aspecto ex...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixa aqui o teu contributo